ALLEYCAT: Amazônia, Um ponto sem Retorno

Gostou? Compartilhe!

O mundo inteiro está de olho não somente na fragilidade que nossa democracia vem passando, mas também nos efeitos de um despreparado no poder tem causado na Amazônia, única floresta do mundo que ainda preserva o maior bioma original do planeta.
O motivo é claro, o índice de desmatamento tiveram um aumento de 278% em julho, em comparação ao mesmo mês de 2018.
Dados esses que levaram a demissão do então diretor do Inpe Ricardo Galvão.


O mundo vê essa e outras atitudes do governo Bolsonaro com extrema atenção, já que esse avanço no desmatamento pode levar a Amazônia ao ponto de sem retorno, ou seja a desertificação, já que se alcançar os 50% de desmatamento, não haverá mais como a Amazônia se recuperar, entrando no Bio-sistema de Savanna e depois de deserto.


Em outras palavras, a Amazônia morrerá como a conhecemos, pois este é um ponto sem recuperação.


Isso afetará não só o Brasil, como países vizinhos, levando a conflitos externos, e também a boicotes internacionais, complicando ainda mais a nossa situação financeira.


O que pode ocorrer caso esse desmatamento avance, como medida de urgência seria uma intervenção até mesmo militar de países preocupados com a devastação alarmante, caso o governo não tome o controle não apenas de madeireiros como também de empresas de extração de minérios e garimpos ilegais, já que a água na Amazônia corre o risco de contaminação de empresas ilegais ou até mesmo as legais, já que temos o caso do Rio Doce, morto pela Vale.

Ismael AlleyCat
Designer


Gostou? Compartilhe!