GUERRA HIBIRIDATHAMMY GRETCHEN SERVIU COMO DISTRAÇÃO PARA O GOVERNO VENDER 3 PLATAFORMAS DE PETRÓLEO POR UM MÊS SALÁRIO DO NEYMAR NO PSG

Gostou? Compartilhe!


Governo Nacional Entreguista de Jair Messias Bolsonaro de uns tempos pra cá colocou a máquina de bots que restaram para fazer campanhas contra o Luciano Huck e Felipe Neto para manter a polarização de grupos identitários de esquerda e direita como distração para que ninguém saiba que o ano de 2020 houve A MAIOR FUGA DE CAPITAIS EM 26 ANOS.

E o entreguismo não para. Nos últimos dias a internet viu o enfadonho embate  entre a Esquerda Cirandeira e os Bolsonaristas (que não deixam de ser identitários de Direita) a respeito da propaganda da Natura que estrelada Thammy Miranda (outra bomba de fumaça) e resultado desse confronto é esse – VENDERAM 3 PLATAFORMAS DE PETRÓLEO POR 7,5 MILHÕES DE REAIS, O QUE EQUIVALE UM MÊS DE SALÁRIO DO NEYMAR NO PSG.

Como diria o Capitão Nascimento :

O Sistema é Foda, parceiro. 

Só nos resta dizer isso, em breve veículos sérios e nacionalistas irão analisar o que se passa de fato com o Brasil. Se ocorreu um movimento em pinça para que isso ocorra sem que nenhum setor da sociedade ou autoridade tivesse ciência do que iria ser vendido, ou que a Natura é uma empresa que sofra influência significativa de algum banco que ta de intermediário desse entreguismo. O Brasil não é para Amadores, essa processo neoliberal de entrega das nossas estatais, é um processo muito bem planejado. E vamos para o Abismo vendo uma esquerda tomando as dores do Huck, Felipe Netto e Thammys Miranda. 

Abaixo a cobertura do Site R7 a respeito da venda

Todas as unidades foram compradas por uma pessoa do Rio de Janeiro que se identificou no leilão como Marboteni

A Petrobras vendeu nesta sexta-feira (24) em leilão três plataformas de petróleo fora de operação para o mesmo comprador pelo valor total de R$ 7,54 milhões (US$ 1,45 milhão).

A unidade mais disputada foi a P-15, que arrecadou R$ 3,6 milhões (US$ 750 mil) após 43 lances pelo ativo, segundo site do leiloeiro João Emílio. Em segundo lugar ficou a plataforma P-7, arrematada por R$ 1,92 milhão (US$ 370 mil) e 17 lances e por último a P-12, comprada por R$ 1,56 milhão (US$ 330 mil) após 16 lances.

O comprador é do Rio de Janeiro e se identificou no leilão como Marboteni. Procurada, a Petrobras ainda não informou o resultado oficial do leilão.

A P-7 sofreu um acidente pouco depois da P-36, que adernou na bacia de Campos no início dos anos 2000. A unidade produzia cerca de 15 mil b/d no campo de Bicudo e derramou cerca de 26 mil litros de óleo no mar.

A P-12, instalada no campo de Linguado, produzia 7.000 b/d e também sofreu acidente, que liberou menos de 3.000 litros de óleo no mar. A unidade já teve seu descomissionamento iniciado no início do mês. Já a P-15 operava nos campos de Marimbá e Piranúna e produzia cerca de 3.000 b/d.

Com informações R7


Gostou? Compartilhe!