Cesar Benjamin – A Desindustrialização do Brasil

Gostou? Compartilhe!

 

Lula declarou hoje que, em seu governo, a indústria brasileira representava 30% do PIB e hoje está em 11%. A informação é falsa. O processo de desindustrialização vem desde a década de 1990 e se acelerou durante os governos do PT.

Este é um problema estrutural das nossas campanhas eleitorais: os candidatos fazem afirmações falsas, confiantes em que praticamente ninguém perceberá.

Em 2015, durante o governo Dilma Rousseff, publiquei “Desindustrialização: pode o Brasil sobreviver sem um expressivo setor industrial?”. Logo no início, escrevi: “Em 1986 a indústria representava 36% do nosso PIB. Hoje representa 14%, percentual semelhante ao da primeira metade da década de 1940.”

Para os economistas liberais, a desindustrialização é indiferente, pois o importante é que o país produza de acordo com os “sinais de mercado”. Ou seja, tanto faz produzir bananas ou aviões.

É um erro crasso. O texto que está no link aí embaixo explica os motivos. É um capítulo do meu livro “Ensaios brasileiros”.

Abraços,
Cesar Benjamin

Clique para acessar o 201510011722530.Desindustrializacao.pdf

Leia esse texto aqui

Caro Leitor, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo.  Precisamos de sua contribuição para manter nosso jornalismo honesto e independente. Se você puder contribuir com qualquer valor que não te fará falta, nós agradecemos. A Chave PIX Agencia MBrasil é agenciabrasilmaior@gmail.com


Gostou? Compartilhe!