Sem dinheiro para gás de cozinha, jovem morre após acidente grave com álcool

Gostou? Compartilhe!

Uma jovem de 26 anos faleceu após sofrer queimaduras por álcool, em São Vicente, no litoral de São Paulo. A vítima, Angélica Rodrigues, foi gravemente ferida enquanto cozinhava com álcool combustível.

De acordo com a família, Angélica utilizou do produto devido à falta de condições para comprar gás de cozinha. “Ela não tinha dinheiro para comprar o gás, com o aumento do preço ainda, a única maneira que ela conseguiu foi cozinhar com álcool”, lamenta a tia da vítima, Thamires da Silva, de 22 anos.

“Ela sofreu queimaduras cozinhando em álcool. Achou que a chama do potinho tinha acabado, virou o galão de álcool, o fogo veio para cima do galão e pegou no corpo dela. Ela se assustou, sacudiu o galão, e foi para o corpo dela todo”, relatou a mãe da jovem, a cozinheira Silvia Regina dos Santos, de 42 anos.

Após o acidente, Angélica ficou por dias internada no Hospital Municipal l (antigo Crei) de São Vicente, aguardando uma vaga para ser transferida a um hospital de referência.


Caro Leitor, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Precisamos de sua contribuição para manter nosso jornalismo honesto e independente. Se você puder contribuir com qualquer valor que não te fará falta, nós agradecemos. A Chave PIX Agencia MBrasil é agenciabrasilmaior@gmail.com

Segundo a família, após apenas cerca de duas semanas que ela conseguiu a vaga e foi transferida para no Hospital Geral Vila Penteado, localizado no Jardim Iracema, em São Paulo, mas a jovem não resistiu e veio a óbito no último dia 6.

Acidentes com álcool comprados em postos de combustíveis para a preparação de alimentos têm crescido nos últimos anos, após a escalada do preço do botijão de gás.

Em fevereiro, uma outra jovem, de 19 anos, ficou em estado grave após uma explosão enquanto tentava acender o fogo com álcool para cozinhar. O acidente aconteceu na Vila São Cosme, em Campina Grande do Sul, Região Metropolitana de Curitiba (PR). A vítima, grávida, teve 10% do corpo queimado.

No último dia 7, um idoso de 61 anos também sofreu acidente na cozinha, no centro de Pomerode, no Vale do Itajaí (SC). A vítima teve 46% do corpo queimado, atingindo rosto, cabeça, braço direito, tórax, abdômen, pernas e região genital, além possível lesão nas vias respiratórias.

Com informações a Hora do Povo


Gostou? Compartilhe!